Constelação Sistêmica – Solange Bertão Consteladora Sistêmica
 
Solange Bertão Consteladora Sistêmica

Origem

O nome Constelação Sistêmica vem da palavra Alemã Familienaufstellung

Significado

A Constelação Sistêmica teve origem na Alemanha e significa recolocação (colocar no lugar certo)

BERT HELLINGER

 

O método de constelação familiar sistêmica foi criado por Bert Hellinger, filósofo, teólogo e pedagogo, nascido na Alemanha, em 1925.

Como membro de uma ordem de missionários católicos, Bert Hellinger trabalhou, durante 16 anos, na África do Sul entre os zulus.

Voltou para a Alemanha, deixou de ser padre e casou-se. Estudou psicanálise, terapia primal, dinâmica de grupos, análise transacional, dentre outras linhas da psicologia. Criou a partir de sua vivência, o método de Constelação Familiar Sistêmica.

 
6125

O que é Constelação Familiar Sistêmica?

 

A Constelação Familiar Sistêmica, é uma filosofia contemporânea. Possibilita a compreensão da origem da dificuldade apresentada, e, com esta compreensão, temos a possibilidade de tomar o nosso lugar, com mais segurança e liberdade.

A Compreensão se dá, através da representação de sua dificuldade, por pessoas ou objetos. Este trabalho é desenvolvido em apenas uma sessão de Constelação, podendo ser individual ou em grupo, o efeito do trabalho pode se dar em semanas, meses ou em até 1 ano e meio.

Nosso Telefone: (11) 3743-2166

Constelação em Grupo

 

Numa constelação em grupo, reúnem-se entre xx e xx participantes, sob a mediação de um profissional com formação em constelação sistêmica, que costuma ser chamado de constelador.

Os participantes podem expor algum problema pessoal para conhecer a origem familiar de sua dificuldade – neste caso, diz-se que a pessoa irá constelar uma questão. Para aqueles que quiserem apenas conhecer o trabalho, podem participar das dinâmicas de outros integrantes como representantes.

Durante a constelação, alguns dos presentes podem ser chamados para representar membros da família do indivíduo que está constelando. Não é necessária nenhuma habilidade especial para participar desta representação – ela pode, inclusive, ser feita com objetos.

Ao longo da sessão, forma-se um mapa da história familiar dessa pessoa e vêm à tona sentimentos que ligam os membros de sua família. O constelador faz a leitura desse mapa, numa atitude fenomenológica – sem pré-concepções, julgamentos ou intenções prévias. Assim, verifica-se a origem da dificuldade apresentada.

Aqueles que participam do grupo sem constelar uma dificuldade pessoal também podem se beneficiar, ao se identificar com a questão que foi exposta.

Ou seja, para todos os envolvidos, este trabalho possibilita uma reflexão em relação aos próprios problemas, além de ser uma experiência única, envolvendo sentimentos até então desconhecidos.

Constelação Individual

 

Neste caso, a representação dos membros da família é feita por meio de bonecos e objetos.

O constelador faz a leitura dos padrões de repetição familiar da mesma forma que na constelação em grupo, mas apenas o constelador e a pessoa.

É importante ressaltar

 

Embora não pertença ao ramo da psicologia, esta ferramenta tem sido utilizada por diversos profissionais desta área. O objetivo do uso deste método, é o de dinamizar o trabalho realizado durante o processo terapêutico.

Este método não tem nenhuma ligação com religião ou visão mística.

Reportagem Especial Fantástico - Rede Globo

 
Assista e entenda mais como funciona a Constelação Familiar Sistêmica.
 
Vara da Família98
Solução de Conflitos100
Velhos Problemas X Novas Técnicas95